Call us toll free:
Best WP Theme Ever!
Call us toll free:
24 fev 2020
Comments: 0

Encontro de Muladeiros em Iporá integra calendário oficial da Secult GO

Em janeiro o secretário de Estado de Cultura, Adriano Baldy, participou, 13º Encontro Nacional de Muladeiros, em Iporá, e manifestou o desejo de apoiar a festa a partir do ano que vem. O evento, que é o maior do Brasil no segmento, reúne uma multidão de muladeiros na cidade, que fica há 226 quilômetros de Goiânia. Este ano, o evento teve uma programação extensa, com provas de animais, concursos, leilões, gastronomia tropeira e shows.

De acordo com secretário Adriano Baldy, o Encontro Nacional de Muladeiros contará com o apoio da Secult Goiás. “A partir da próxima edição, o Encontro contará com a nossa parceria e apoio. Faremos o que for preciso para que a tradição dessa festa sediada em nosso Estado seja cada vez maior e mais reconhecida”, disse. Para Baldy, o evento valoriza a cultura sertaneja, além de movimentar a cidade de Iporá, gerando emprego e renda. “Uma de nossas missões, no governo de Ronaldo Caiado, é valorizar a cultura do interior de Goiás”, afirmou.

Daiane Assis, engenheira agrônoma e iporaense, quando sempre acompanhou o evento, mesmo quando não morava mais na cidade. “Eu fui para conhecer, me apaixonei e sempre voltei para o Encontro de Muladeiros. Mesmo distante a gente não consegue deixar de viver com isso, a cidade muda completamente, vive esse encontro”. Para Daiane o encontro faz parte da identidade de Iporá e trouxe mais visibilidade para a cidade a nível nacional, e é uma festa que movimenta o comércio e o turismo. “É uma festa muito alegre, simples, tradicional, e existe um respeito e uma preocupação com os animais. “É uma alegria muito grande saber que a Secult vai apoiar o Encontro de Muladeiros, é um reconhecimento da nossa cidade, da nossa tradição no Brasil e em outros países. Com esse apoio a tradição será fortalecida e mais conhecida ainda”.

O Encontro Nacional de Muladeiros é realizado há 13 anos pela Associação dos Muladeiros do Oeste Goiano (Amog) e abrange cultura, esporte e negócios.

Com informações da Secult Goiás, foto: @drinlovephotos .